Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

saraupairinstates



Quarta-feira, 02.02.05

Perdida em Oregon...

árvores na neve.JPGPerdida... É como me tenho sentido nestes últimos dias.Estou irritada e desiludida comigo. Perdi o sentido, a razão, o motivo de cá estar. Deixo-me levar pela preguiça e deixo tudo por fazer: os trabalhos de casa, pouco saio com os miudos, não escrevo no blog, não tenho tempo para pensar... Vivo uma vida extremamente monótona e depois queixo-me que é o sítio, que são as pessoas... NÃO!!! SOU EU. EU SOU O PROBLEMA!!! Mas onde é que ele está? Onde é que está a razão para eu me desmotivar e desligar das coisas num clique? Não pode ser só a preguiça!!!Não é só a preguiça que faz com que eu me arraste de um lado para o outro sem interesse por coisa alguma.A minha mãe diz que eu preciso de ler... Mas, por incrivel que pareça, não consigo encontrar tempo dentro de mim para o fazer.Sinto que estou, completamente, alienada e desintegrada. Tudo o que faço é para me impedir de estar comigo e enfrentar os meus fantasmas. E quando chego ao meu quarto estou cansada demais para fazer alguma coisa.Mas, como me disse o Fred, depois de me ouvir, este meu comportamento é padrão. Acontece em variadas alturas, em várias situações. Não posso dizer que é porque estou aqui, porque ainda no ano passado a minha Mãe levou com milhentos choros meus a queixar-me da minha inadequação ao mundo. Resultado: comecei a tomar uns anti-depressivos que me deixaram muita bem e emagreci 8 kg. Duplamente, satisfeita.Acho que a solução mesmo é voltar ao Psipax e Zoloft.Acho que também me deprime imenso passar os dias com 2 crianças. Vejo os pais de manhã e a correr e depois só volto a ver adultos por volta das 4h da tarde. A essa hora já estou cansada demais para sair com amigos meus.E depois, também estou sempre a queixar-me... Ai, quem é que me atura??? Que porcaria de pessoas e de companhia que me tornei!Redescobri que Adoro o Pedro, mas que é egoísmo demais pedir-lhe que me espere ou que esteja de braços abertos às minha lamúrias, causadas pela minha decisão de vir para aqui. Não me arrependo de ter tomado a decisão de vir, nunca saberia como iria ser se não viesse. E também não pensei que tudo aquilo de que eu me queixava em Portugal, na minha vida, me viesse a fazer falta da forma que faz. Achava a minha vida monótona... Esta ainda é mais! Mas é bem feita! É com os erros que se aprende.Também há outra coisa que me irrita em mim (epá, hoje saem os defeitos todos): é o facto de eu estar tão alienada do mundo, de ser tão inculta, de não estar a par das coisas. Em vez de me preocupar com o mundo que me rodeia e procurar ajudar alguém, só olho para o meu umbigo, preocupo-me com a minhas coisas e, estupidamente, não resolvo nada!!!!Posso nascer outra vez nesta vida????Quando me sinto mais desanimada adoro olhar as árvores. Daí a foto de hoje. Uma árvore da Mt. Bachelor, onde fui fazer Ski este fim-de-semana.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por foreverthirtyfive às 17:44


10 comentários

De Carla a 06.02.2005 às 15:10

Vim aqui ler depois de ver os textos todos que já foram publicados posteriormente e fico muito feliz por sentir muitos sorrisos desse lado. Identifiquei-me completamente com a parte de por vezes me sentir perdida e com uma boa noite de choro o dia seguinte acabar por surgir mais luminoso :) Quem não tem as suas dúvidas? Ainda bem que as temos e que depois sabemos ir em frente. Beijo grande :)

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Fevereiro 2005

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728