Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

saraupairinstates



Domingo, 05.06.05

A minha última Cluster Meeting

Tammy, Ciliana, Eu.JPGNem acredito que já aqui estou, que o meu programa está no fim. Parece mentira!Foi bom? Foi!Foi mau? Teves os seus momentos...Recomendo? Yeap!!! Só não recomendo a minha atitude de perdoar e deixar passar tudo e de só refilar entre portas. O último encontro foi marcado pela visita turística à Cidade de Portland, no dia em que ia haver um desfile chamado 'Starlight Parade'.Portland, no início era a conhecida pela Cidade das Rosas, onde rosas amarelas estavam por todo o lado. Agora são mais vermelhas.A Nanette não pode ir, pois partiu a pélvis no dia anterior. Coitada, não conseguia andar. Foi o Dan o nosso CC e que nos deu todos os conselhos e raspanetes necessários.São 4 as Au Pairs de despedida:Eu e a Milla (que esteve comigo em NY, no início do programa)a Alina e a Ludi (que não vai acabar o programa)Depois ficámos a assistir ao Desfile. Tão giro!! Houve imensas alturas em que me davam arrepios. Os primeiros foram os Bombeiros. As pessoas gritaram e assobiaram porque eles eram muito giros!Depois tiveram uma série de mais desfiles, baseados em várias coisas. Também aquelas Cheerleaders com as roupas minúsculas e os pom-pons. Foi muito giro, mas muito longo.Saímos às 10h da noite, porque ainda tínhamos que ir levar a Ciliana a casa (e ela mora no outro Estado) e ir a casa da Nanette com o ramo das 36 rosas que todas as Au Pairs lhe ofereceram, para desejar as melhoras!!! (Ideia minha!!!! :) Mas toda a gente concordou!)Tadinha, quando fomos, lá estava ela com um ar tão cansado... A minha America Mom!!!Quando chegámos a casa da Tammy eu e a Ludi mudámos para o meu carro. Mas qual não é a nossa surpresa quando sua Excelência dies quando eu ligo o motor. Descobri um truque em que, cada vez que batia com o capô, as luzes ligavam. Ainda consegui por o carro a trabalhar, mas morreu de novo. Bem, tive que voltar a chamar a Tammy e ela foi levar-nos a casa. Cheguei a casa às 2h30. A Ludi também mora em 'cascos da rolha'.Dei à Tammy a chave do meu carro, porque deixei a janela aberta. Se ela conseguisse ao menos ligar as luzes conseguia fechar a janela.O que aconteceu... Ela resolveu experimentar se punha o carro a trabalhar, que não deu. Depois disso a chave nunca mais saiu do canhão.Portanto, o carro passou a noite de janela aberta e chave na ignição. Só mesmo aqui na América para o carro não ser roubado. Tenho um rádio Kenwood com mala de cds. Tudo inteirinho sem ser mexido. Só mesmo aqui!Bem, hoje de manhã, a Jacqui foi buscar o carro. O menino resolveu pegar com a dona...Passei o dia de domingo em casa, na preguiça e a ajudar a Zoe a fazer uma coreografia para a musica 'Numa Numa', porque tem um 'Show and Tell' amanhã de manhã. Então vai dançar com mais 2 amigas.Ah, deitei-me eram 2h45 da manhã de Domingo. Mas, a partir das 8h30 foi impossível dormir. Os miúdos não gritam mais porque não podem. Os pais importam-se???? (É preciso responder????)

Autoria e outros dados (tags, etc)

por foreverthirtyfive às 21:57


4 comentários

De Sara a 07.06.2005 às 08:38

Amiga Susana, o carro... Nem posso com ele. Veio ontem da oficina e já vinha a cheirar a queimado!!! Carros com 10 anos é o que dá.
Se eu te contar que, porque a Phoebe deixou a porta do carro aberta um dia destes, o Claude foi lá e marcou território... Com um, extremamente, mal cheiroso xixi! Bem, é um fedor naquele carro!!! Agora está melhor porque comprei um spray que elimina cheiros, as janelas ficam sempre abertas...Mas mesmo assim...
E ainda há mais, mas dá direito a artigo! O próximo.
Bjnhs Amiga

De Sara a 07.06.2005 às 08:35

Ah tá, Carla... Ideia muito poética essa das pessoas gritarem e baterem palmas aos bombeiros por eles serem bravos... Também, mas não é essa a ideia! Ah, é porque eles são todos muita giros!!! Parece que os escolhem a dedo. E cheios de músculos e tal.
AS cheerleaders sempre as achei muito presunçosas. Sempre foi aquele grupo de raparigas que achei que fosse oco e más umas para as outras. Talvez do que se vê nos filmes (e é bem verdade!).
As rosas eram 42, afinal. A ideia foi minha, mas lógico que só aqui entre nós. Para a Nanette fomos todas, e fomos, claro.

De Carla a 06.06.2005 às 18:49

Que inveja tão grande desse desfile a que não assisti! Deve ter sido um espectáculo. Lembro-me, quando estive em NY há dois anos, que sempre que passava um carro dos bombeiros as pessoas batiam palmas, tiravam fotos, acenavam, sorriam... e já tinham passado quase 2 anos desde os atentados... mas acho que eles serão sempre (merecidamente) reconhecidos pela bravura que demonstraram. E as cheerleaders fazem parte do meu imaginário, adoro ver as coreografias que fazem mas ainda só vi em filmes :) Grandes aventuras por aí :) Ainda bem que tudo ficou bem com o carro e que não roubaram nada (havia de ser aqui...). A ideia das 36 rosas foi belíssima, não me espanta vinda de quem veio :) Beijo enorme :)

De Susana a 06.06.2005 às 12:16

Amiga, essa aventura com o carro foi demais, já me fartei de rir com as tuas peripécias e achei linda a ideia de homenagear a tua american mom com o ramo de rosas, deve ter ficado derretida, deves andar super emocionada com o contar dos dias e com o aproximar da hora de regressares, aproveita os últimos dias ao máximo amiga, porque vão passar num instante.. ;) Beijinho, grande, diverte-te..

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Junho 2005

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930