Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

saraupairinstates



Terça-feira, 14.09.04

O cumulo das etiquetas... Ou ignorancia minha!

Esta gente e o cumulo… Não percebo as etiquetas e maneiras de comer a mesa.
Fiz batatas fritas e dei aos miúdos para comer, ao jantar, mais frango. Começaram a comer com as mãos e eu disse-lhes para comerem com o garfo, como habitualmente. Nas outras refeições, quando estamos só nos, fazem o que eu digo e não refilam. Hoje o Adam resolveu chorar porque não e suposto comer-se batatas fritas com o garfo. Come-se a mão. ????? O pai disse para eles fazerem o que eu digo, mesmo que esteja errado para eles, porque eu fiz o jantar. Mas isto tem lógica??? Ele, todo cheio de etiquetas, diz que a mesa não se põe a manteiga no pão normalmente. Quer dizer, tira-se um bocado da manteiga da manteigueira, põe-se no nosso prato e passa-se o pão, como se fosse um molho. Tantos anos que tive que comer ao pe de gente que tem conhecimentos de etiqueta, nunca vi fazer isto e depois comer batatas-fritas a mão, para ficar tudo engordurado: mãos, garfo, guardanapo... Se alguém tem conhecimentos de etiqueta e se eu estiver errada e eles certos, por favor digam-me... Eu não entendo! E gostava de saber.
Talvez as regras de etiqueta sejam diferentes...

Era suposto ajuda-lo a deitar os miúdos, mas nem mexo uma palha. Quando acabarem de jantar, que arrumem a cozinha e o Fred que deite os miúdos. Eu logo vou mais tarde comer fruta. Perdi a fome. E comer com os miúdos com os pais em casa e um terror. Fazem tanto barulho e gritaria, levantam-se, entornam os copos... Bem, um inferno. E suposto comer-se as batatas-fritas com as mãos, mas não e suposto comer-se em sossego, calmamente, respeitando a vez de cada um falar, não gritar... Etc. O cumulo!!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

por foreverthirtyfive às 21:19

Terça-feira, 14.09.04

...

Zoe 058.jpg(a boneca que me deu a minha Tia Dade, a minha caixa da recordacoes e a minha Mae, tudo em cima da manta linda que a minha Mamon mandou)Estou numa fase mais pensativa agora.Tenho saudades da minha Mãe, dos meus manos, do meu Pai, da Maria, da minha Avo... Da minha casa, do meu canto, das minhas coisas, do meu carro, do hip hop, das minhas lutas, etc. Estou bem aqui, apesar de tanto refilar. Isto e muito mais calmo que Portugal, mais bonito, mais organizado. Não se pode e aprofundar muito senão chegamos a Igreja e ao Bush. E ai, tudo cheira muita mal.Mas não e o meu pais. Não foi onde eu cresci. Não tenho memórias nenhumas nas ruas por onde ando. E tudo superficial. Tudo apela ao poder de compra... E logo comigo!O tempo está fresco e chuvoso. Nostálgico e contagiante. Ter que lidar com os gritos dos miúdos nestes dias, em que só apetece olhar a janela, o céu, a chuva, e dose bem forte! Ainda por cima, se, de vez em quando, saltasse uma palmada no rabo para acalmar a gritaria e o desrespeito... Mas não! Aqui so se puxa a orelha (pelos pais, eu não exerço contacto físico doloroso as crianças) ou chama-se grandes nomes... Mas que precisavam de umas palmadas, precisavam. Ui... Resolvia tanta coisa!Se a disciplina não consegue ser entendida como uma ferramenta de vivencia em sociedade (como e ensinado no jardim-de-infância do Timmy), tem que ser imposta, a bem ou mal. Americanos...Mas hoje recebi um telefonema muito querido, da Carla e do Rodrigo. Obrigada. Fez-me sentir muito bem. Fiquei com saudades dos meus meninos portugueses. Só dos meninos e meninas... E de alguns pais deles. Não do Colégio, ou da patroa, ou de algumas colegas de trabalho. No entanto, espero que esteja tudo bem.E quanto a Carla, obrigada por ser tão querida. Pelo telefonema, pelos mails, pelo carinho!Outra coisa que eu costumo fazer e andar sempre a procura de coisas para mandar para a minha Mãezinha.... Como eu sinto a tua falta, Mãe! Es tudo aquilo que eu preciso e agora não tenho. Mas também não e muito ma esta situação. Eu não posso ser tão dependente de ti para tudo. Embora não acredite que a situação vá mudar quando eu voltar. Mas não faz mal. Tudo o que temos na vida deve ser aproveitado e vivido ao maximo. E isso que eu faço! Ate demais!!! Gasto demasiado dinheiro em coisas desnecessárias... Enfim!Como não consigo ter o gato, vou aproveitando para comprar tudo o que preciso e não preciso, desde que tenha fotografias de gatinhos!Bem, já tenho mais algumas coisas para a minha Mãe. Tenho que começar a pensar numa encomenda para o meu Pai e Avo.Ainda não decidi o que vou estudar. Já sei que não vai ser tão caro como pensava, porque podemos ter aulas sem créditos. As aulas com créditos pagam-se, as outras não.Tenho que rever tudo outra vez. Talvez escolha uma disciplina que tenha a ver com o Governo daqui, das pagas, e outra de Inglês, das não pagas.Tenho assuntos para actualizar, como o modo de vida da família e da comunidade e a Sociedade. Preciso de tempo para isso tudo e para pensar. Tenho que ver se não ponho os pés fora de casa este Fim-de-semana, para descansar e ter tempo para mim. Não tenho conseguido descansar nos dias de descanso!Enquanto não encontro aulas de hip hop que me agradem, vou começar a ter aulas de patinagem no gelo, a partir de Outubro. E muito giro!Estive a arrumar o meu quarto e a guardar algumas coisas supérfluas. Tenho uma caixa, decorada por mim, ca, onde guardo todas as recordações (em objecto) que quero ter daqui. (foto)Mas o meu quarto esta longe de ficar como eu quero!Preciso de mais tempo...

Autoria e outros dados (tags, etc)

por foreverthirtyfive às 21:10


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Setembro 2004

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930